Veja como evitar a erosão dentária causada por alimentos

Além de ser importante para a nutrição e manutenção do peso saudável, a alimentação também é fundamental para a saúde bucal. O que comemos e bebemos impacta na aparência e estado físico dos dentes.

A ingestão de alimentos muito ácidos, por exemplo, pode levar à erosão dentária, nome dado ao processo de desgaste do esmalte. Quando isso ocorre, os dentes ficam expostos e desprotegidos, gerando muita dor e sensibilidade.


Há dois tipos de erosão dentária. A intrínseca é causada pelo ácido gástrico presente no nosso próprio corpo. Indivíduos que apresentam refluxo gástrico ou regurgitação causada por problemas médicos e psicológicos (como distúrbios alimentares) têm mais chances de desenvolver esse tipo de erosão.

Já a extrínseca está relacionada à ingestão de alimentos naturalmente ácidos, como açúcar, vinagre, molho de tomate, refrigerantes e sucos de frutas (principalmente limão, maçã, laranja ou uva) e pode afetar qualquer pessoa.

Mas não é necessário eliminar completamente esses alimentos de sua dieta. A saliva tem um papel fundamental na redução do nível de acidez da boca, além de repor os minerais.

Quando a refeição for composta por produtos muito ácidos, faça um bochecho com bastante água e espere cerca de 30 minutos antes de escovar os dentes. Essa medida ajuda a evitar que as cerdas da escova corroam o esmalte e acelere ainda mais o processo de erosão.

O que fazer para resolver o problema?

Ao identificar os sintomas da erosão dentária, é importante consultar seu dentista para saber qual procedimento é mais adequado para o seu caso.

A aplicação de selantes ou agentes adesivos é indicada para conter o avanço da erosão e a aplicação do flúor ajuda a aumentar a resistência dos dentes aos alimentos ácidos. Na consulta, pode ser que alguns dentes precisem ser substituídos por restaurações estéticas e/ou próteses.

Cremes dentais específicos para o alívio da dor também são indicados durante o tratamento. Consulte um nutricionista para ajudar a rever sua dieta e reduza a ingestão de alimentos ácidos.

Fonte: https://saude.terra.com.br

Agende agora a sua avaliação:

  • * Após recebermos a sua mensagem, entraremos em contato para confirmar a disponibilidade.

Outras Notícias